Estudantes do IADE exibem curtas na Cinemateca pela primeira vez
26 maio 2023
“Um dia na vida de um fotógrafo de vida selvagem”, “Lilo” e “Vai Tuna” foram as 3 curtas-metragens produzidas por alunos do IADE - Faculdade de Design, Tecnologia e Comunicação da Universidade Europeia e que foram exibidas no passado dia 23 de maio, na sala Félix Ribeiro da Cinemateca, em Lisboa. Estas curtas foram produzidas no âmbito da disciplina Filme e Imagem Documental da Licenciatura em Fotografia e Cultura Visual.

Esta 1ª mostra de filmes de alunos do IADE incluiu também a exibição de outros 2 filmes que foram realizados no âmbito da disciplina Produção e Realização Audiovisual em 2014, nomeadamente: “In Between” e “Focus”. A exibição será seguida de conversa entre os Professores José Filipe Costa e Filipe Figueiredo e os realizadores dos filmes.

“É com muito orgulho que vejo os trabalhos académicos produzidos no âmbito desta unidade curricular serem exibidos pela 1ª vez num local tão significativo como a Cinemateca Portuguesa. São projetos que resultam de um trabalho sério dos alunos e esta apresentação na Cinemateca é como uma recompensa dessa dedicação e empenho.”, afirma o Professor José Filipe Costa, responsável pela disciplina Filme e Imagem Documental.

“Um dia na vida de um fotógrafo de vida selvagem” (18’50’’) retrata o trabalho diário de um fotógrafo especializado em fotografia de vida animal, seguindo as suas rotinas desde a pesquisa, à preparação do material, até à escolha dos melhores meios e suportes para o seu trabalho de captação de imagens. Uma conversa feita de palavras e imagens entre os dois realizadores do filme: João Santos e Vasco Coelho.

“Lilo” (11’35’’) aborda a história de Manuel Martins, que com apenas 12 anos, entrou no mundo da fotografia analógica e nunca mais a largou. De Huambo, local onde nasceu, ao Seixal, Manuel percorre um caminho na fotografia que passa por vários estilos, desde a paisagem à fotografia de estúdio, do fotojornalismo à moda. Lilo viaja entre o passado e o presente, entre o analógico e o digital, entre Portugal e África. O projeto é da autoria de Diogo Torres e Judite Martins.

“Vai Tuna” (11’50’’) reúne uma comunidade ativa formada por mais de 30 estudantes que se agregam com um propósito: através da música e dança, partilhar a alegria e a paixão pela instituição que os uniu, de modo a criarem experiências juntos. O filme aproxima-nos destes jovens nas suas atividades, mostrando o funcionamento dos ensaios. A curta é da autoria de Kelly Palma e Júlia Mostaert.

Créditos: @Tomás Domingues

IADE desafia alunos a desenvolverem reportagens sobre a Saúde Mental
1 fevereiro 2024
Ler mais
Estudantes do IADE vencem Prémios Lusófonos da Criatividade
12 janeiro 2024
Ler mais
Share