Notícias

09.11.2016

Universidad Europea atribui Honoris Causa a António Guterres

Honoris Causa António Guterres

Distinção evoca trabalho desenvolvido a favor dos refugiados.

A Universidad Europea, instituição espanhola da Laureate International Universities, vai atribuir o Doutoramento Honoris Causa a António Guterres, recém-eleito Secretário-Geral das Nações Unidas e Conselheiro do Estado Português desde abril deste ano, pela sua contribuição para a resolução do problema dos refugiados. A cerimónia terá lugar, no próximo dia 16 de novembro, pelas 11h00, no Campus da instituição, em Madrid, sendo o elogio proferido pelo antigo Presidente do Governo Espanhol, Felipe Gonzalez.

A atribuição do Doutoramento Honoris Causa a António Guterres foi decidida por unanimidade, com base no trabalho que desenvolveu enquanto líder do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados e em reconhecimento pelo seu apoio aos refugiados, às pessoas apátridas, bem como na salvaguarda dos direitos daqueles que foram obrigados a abandonar o seu país devido à guerra, revolução ou perseguição política.

A distinção ao maior diplomata português vai ser concedida pelo Conselho Académico da Universidad Europea e a pedido da Faculdade de Ciências Sociais e Comunicação da referida instituição. A Laureate pretende assim homenagear a forma interventiva como António Guterres procurou ajudar a população obrigada a fugir da guerra um pouco por todo o mundo e a forma como levantou a voz a favor da ajuda humanitária e da atenção aos refugiados, requerentes de asilo, deslocados internos e outros migrantes irregulares que procuram fugir de situações de risco extremo.