BLOG

#CreatingCreators  

21/04/2022

O plano do Príncipe do Brasil


"Fiquei muito feliz”, conta o historiador português Nuno Saldanha, da Universidade Europeia, em Lisboa, ao lembrar-se do dia em que identificou o plano de construção de um navio de guerra construído no Brasil entre 1797 e 1802 que integrou a frota usada pela Corte portuguesa para se mudar para o Brasil em 1808.

Capture-Apr-21-2022-03-53-14-38-PM

Foi no início do ano passado, quando ele recebeu em sua casa, também em Lisboa, uma encomenda muito aguardada do Museu Marítimo Nacional, de Greenwich, em Londres. Era uma cópia de uma folha com desenhos de construção do até então identificado apenas como “Navio português sem nome”.

Excerto do texto que foi publicado na revista PESQUISA FAPESP, nº 314.

O texto completo está disponível aqui.



 

VOLTAR >>